.Enem.

3 11 2010

E lá vão eles de novo, estudantes de todo o país, se esforçando ao máximo por dois dias intermináveis na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Esse ano, as provas acontecerão nos dias 6 e 7 de Novembro, os portões das escolas de todo o território nacional abrirão às 12h, e os candidatos devem estar munidos de uma caneta preta apenas.

O que mudou esse ano?

Todos os anos, o INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educadionais) cria algum item a mais ou a menos de modo que a prova fique mais segura e com maior capacidade de analisar os estudantes.

Nesse ano, os candidatos poderão usar apenas caneta preta, e não lápis ou caneta azul como nas outras vezes. Além disso, celulares e relógios digitais não entrarão nas salas de prova.

O ENEM será composto de 190 questões, sendo divididas em 4 áreas,

*Matemática

*História, Geografia, Filosofia e Sociologia

*Química, Física e Biologia

*Língua Portuguesa, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes e Educação Física

A grande questão é, será que mais uma vez a média nacional ficará na casa dos 500 pontos?

Não acredito em uma prova que avalia o ensino oferecido e capacidade de absorção deste pelos alunos quando todos, no país inteiro sabem que o ensino público deixa muito a desejar.

Quem faz os resultados inacreditáveis de algumas provas, são aqueles alunos que estudaram muito por contra própria, que sacrificaram muitas noites de sono ou de balada, para estudarem todas as falhas do seu ensino.

E também os alunos de escolas pariculares, que tiveram um ensino de qualidade,  que pagaram pelo exame, e que não poderão concorrer a bolsas de estudos através do programa educacional ProUni.

Outra grande questão é, quando o professor será melhor remunerado para garantir um ensino de qualidade em uma escola pública? Mas isso é assunto pra outro post.

Um bom final de semana de prova, e muita boa sorte a todos os participantes!

Anúncios




.No meu jardim de infância.

12 10 2010

Hoje, como todos sabem, é o dia das crianças! E só de pensar nelas, eu desejo um mundo e um futuro diferentes!

Hoje, no Brasil, temos adultos com altos níveis de estudo, com alto poder aquisitivo, e com a qualidade de vida bem acima da média. Em contradição temos também  níveis elevadíssimos de crianças vítimas de abusos de todos os tipos. Temos inúmeros casos de violência, de exploração, de abandono… Inúmeros casos de fome, frio e solidão.

E o que mais magoa o coração de alguém como eu, que sonha em um mundo como nos contos de fadas para todas as crianças, é saber que a grande maioria dessas crianças, enxerga, em meio a muitos problemas e dificuldades um mundo colorido.

Então, hoje eu desejo um único momento, nem que seja durante um sonho, que todas as crianças do mundo tenham um dia muito feliz!

Para aquelas crianças que nunca tiveram o prazer de correr pela rua, pois não podem andar. Aquelas que não podem ir a escola pois precisam trabalhar, aquelas que não sabem o que significa ter família e receber amor. Diferente de muita gente nesse país, nem toda criança se preocupa em conseguir um carro novo, nem toda criança grita de raiva quando o último modelo daquele aparelho eletrônico que queria foi vendido, nem toda criança reclama quando todos os dias come a mesma coisa.

Infelizmente, nem toda criança sabe o que é ter infância, nem toda criança acordou cheia de mimos e presentes hoje, nem toda criança está sorrindo.

Pior que isso tudo é saber que podemos fazer pouco para ajudá-las. E os que realmente podem, tem pouco interesse.

Então, se cada um puder, hoje, encontrar aquela criança que já foi um dia e se lembrar de como pequenas coisas nos faziam felizes, tenho certeza de que encontraremos algo que possa ser feito!

Tem uma criança precisando de você nesse momento, e você, o que vai fazer?





.Com vocês: O dia da eleição.

11 10 2010

O dia já não estava muito bonito. Aquele frio, uma garoa chata e insistente, era um sinal de que algo terrível iria acontecer.

Durante algumas semanas, acompanhamos na TV campanhas, propagandas, projetos e promessas, de candidatos desconhecidos na política, de sub-celebridades, de atletas decadentes e também daqueles que vemos todos os anos, e que cansamos de ouvir falar sobre seus feitos e desfeitos.

Então lá estamos nós, pensando em tudo que desejamos para nosso país, e em meio ao caos da realidade, em meio as mentiras joagadas para aqueles brasileiros que tem como informação apenas o que a Globo coloca na programação, e também aqueles que até tem outras fontes, mas se conformam com o pouco de ilusão que a TV passa…

Dia da eleição. Todas as pessoas acordam, fazem um rascunho dos números dos seus candidatos, uma maravilha! Alguns votam em ladrões, outros em pessoas da elite paulista, alguns preferem as celebridades e palhaços analfabetos. No final, ao invés de sair da sala da urna com uma sensação boa, sentindo como se acabassemos de realizar o maior ato patriótico dos ultimos quatro anos, todos, sem excessão saem com a sensação de erro, de falha e de arrependimento.

No passar dos dias, vemos toda a repercursão de nossas escolhas, a ida para o segundo turno da presidência, dois candidatos com prós e contras. A tentativa de retirar o palhaço do poder legislativo. Os debates na TV com candidatos que não tiveram chance nenhuma, e que ainda tentam descobrir o que fizeram de errado…

Bom, em meio a tantas dúvidas, em meio a um monte de informações contraditórias a respeito dos candidatos, estamos nós! Brasileiros, eleitores, conformistas e inconformados!

Bem vindos, ao país da democracia!

 

.Os sinais de um dia de eleição.